Água

Qualidade da Água

Para garantir a qualidade da água, o SAAE de Itaguara atende a Portaria 2.914/2011, do Ministério da Saúde, que estabelece os procedimentos e responsabilidades relacionadas ao controle de vigilância da qualidade da água para consumo humano e seu padrão de potabilidade, e de acordo com o mencionado no artigo 12º: “garantir informações à população sobre a qualidade da água para consumo humano e os riscos à saúde associados”.

Além disso, nos arts. 6º inciso III e 31 da Lei nº 8078 de 1990:

Artigo 6º: são direitos básicos do consumidor: III – a informação adequada e clara sobre os diferentes produtos e serviços, com especificação correta de qualidade, características, composição, qualidade e preço, bem como sobre os riscos que apresentem;

Art. 31. A oferta e apresentação de produtos ou serviços devem assegurar informações corretas, claras, precisas, ostensivas e em língua portuguesa sobre suas características, qualidade, composição, preço, garantia prazos de validade e origem, entre outros dados, bem como, sobre os riscos que apresentam à saúde e segurança dos consumidores.

Em atendimento aos requisitos exigidos por lei ,assim como nas edições anteriores, seguem os resultados do ano de 2012, além de informações de algumas ações realizadas pelo SAAE Itaguara durante o ano.

ETA

 

Descrição do Sistema de Água

Sistema de água

 

 

A ETA – Estação de Tratamento de Água de Itaguara conta com dois mananciais de abastecimento: Barragem do Mato Dentro e Barragem do Cambindas. Ambos os mananciais possuem uma água de característica clara, com pouca cor e baixa turbidez, exceto em épocas de chuvas. Em geral, as impurezas contidas são removidas após tratamento convencional. Atualmente a vazão é de 23l/s, o que possibilita o tratamento de aproximadamente 1.987.200 litros por dia. Há algum tempo a demanda estava ultrapassando a oferta de água tratada em alguns dias e horários de maior consumo.

Para minimizar os impactos causados e descartar a possibilidade de desabastecimento, instalamos em 2013 mais um ponto de captação localizado no Bairro dos Coelhos, sendo esta captação por recalque (bombeamento), o que nos permite a ampliação da oferta de água tratada, garantindo o abastecimento. A vazão de captação de água bruta passou de 23 l/s para 26,7 l/s ampliando a oferta diária de água tratada em cerca de 319.680 litros, suficientes para um dia de consumo de + ou – 319 famílias.

Processos de Tratamento de Água

Tratamento de Água

 

 

A Estação de Tratamento de Água (ETA) de Itaguara, que abastece a área urbana do município realiza tratamento convencional, transformando água bruta em água potável para o consumo humano.

Etapas do Sistema de Tratamento de Água

CAPTAÇÃO: a água “in natura”, também chamada de água bruta, é captada nas Barragens: Cambindas e Mato Dentro, por gravidade, através de duas redes adutoras uma de 100 mm e a outra de 150 mm e também Captação por bombeamento partindo do bairro dos Coelhos.

ADUÇÃO: tubulação que conduz água da captação até a ETA e desta até os reservatórios.

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA (ETA): Local onde ocorre todo o processo de tratamento de água, composto pelas seguintes fases:

Coagulação: processo em que ocorre a mistura rápida, contínua e homogênea, da solução de sulfato de alumínio com a água, formando o coágulo gelatinoso (hidróxido de alumínio). O local utilizado para a aplicação da solução de sulfato de alumínio é a Calha Parshall.

Floculação: consiste no agrupamento dos coágulos gelatinosos com as impurezas em suspensão, formando as partículas maiores (flocos). Este processo ocorre lentamente nos floculadores.

Decantação: após a formação dos flocos, este se torna mais pesado do que a água, tendendo a se depositar no fundo dos decantadores. A separação dos flocos da água é denominada de decantação.

Filtração: é a passagem da água por um leito filtrante de areia com granulometrias diferentes, capaz de reter ou remover partículas menores e microorganismos causadores de doenças.

Fluoretação: processo no qual se adiciona flúor na água para proteger os dentes contra as cáries, principalmente em crianças e adolescentes. O produto utilizado pelo SAAE para a aplicação de flúor é a solução de fluossilicato de sódio.

Desinfecção: processo onde se adiciona cloro a água para destruir microrganismos prejudiciais à saúde humana, além de evitar sua contaminação em todos os pontos das redes de distribuição, sendo a principal garantia da sua potabilidade. O cloro aplicado na água pelo SAAE é o hipoclorito de sódio.

Correção de pH: a correção de pH é feita na água para prevenir a corrosão e/ou incrustações nas tubulações e conjunto de moto-bomba. O produto utilizado para correção de pH é a cal hidratada.

Reservação: Na ETA localizam-se dois reservatórios de distribuição com capacidade de reservação de 220.000 e 500.000 litros. Há ainda os reservatórios localizados nos Bairros: Dias (100.000 litros), Areião (200.000 litros), Conquistano (220.000 litros) e Jardim Europa (70.000 litros). Contamos com um conjunto elevatório, composto por bomba centrífuga e 2.300 m de rede adutora de água tratada, interligando o reservatórios dos bairros Areião e Jardim Europa, que é utilizado em caso de necessidade de um maior volume de água na região dos bairros Nogueira, Mateus e Jardim Europa.

Distribuição: a água é distribuída a partir dos reservatórios localizados na ETA.

Sistema de Tratamento de Água na Área Rural de Itaguara

Tratamento de água

 

A área rural dos povoados de Barro Preto, Aroeiras, Sapecado e Pará dos Vilelas conta com abastecimento através de sistemas de poços artesianos (água subterrânea) que passam pelo processo de desinfecção antes da distribuição. O sistema de tratamento da água obedece aos parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Resultados das Análises

São feitas análises periodicamente para garantir a qualidade da água que é distribuída para a população. A média mensal dos resultados é lançada na conta de água para o acesso a todos.

Ao final de cada ano é elaborado um relatório referente aos resultados das análises realizadas na água durante 12 meses. 

© 2019 Itaguara . TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.